pintura do carro conselhos manter nova

Pintura do carro: como mantê-la nova? Veja estes 9 conselhos

Existem boas práticas que ajudam a preservar a pintura do carro, conferindo-lhe uma aparência de novo. Saiba mais no artigo!

Proprietários de veículos zero quilômetro costumam buscar dicas de conservação, porque entendem que o investimento é alto e a desvalorização ao sair da concessionária é inevitável. E já que isso é uma realidade, boas práticas são sempre bem-vindas, concorda!?

Em uma situação de troca ou venda, os cuidados somarão muitos pontos. O checklist pode variar bastante, dependendo da exposição à qual são submetidos, mas a pintura do carro deve ser sempre um item presente.

Ela é o cartão de visitas e seu nível de desgaste pode ser um agente de tomada de decisão se, por acaso, você decidir revendê-lo. A pergunta que muitos condutores fazem é sobre as chances de preservar sem a necessidade de gastar rios de dinheiro.

E esta resposta é categórica: É TOTALMENTE POSSÍVEL!

Na verdade, precauções simples já contribuem para que a pintura do carro permaneça em bom estado, como se fosse novinha e brilhante. Pratique os 9 conselhos a seguir, e veja com seus próprios olhos.

9 cuidados com a pintura do veículo

Sem delongas, venha conferir a nossa listinha e veja as situações para as quais a sua rotina se encaixa.

1 | Faça a limpeza exterior da forma correta

Para preservar a lataria e não prejudicar a pintura do carro, o lema a ser seguido é “não é força, é jeito!”.

Para começar, escolha produtos apropriados para veículos e jamais opte por abrasivos, como sabão em pó. Além de riscar, eles podem manchar a lataria.

Naqueles locais onde há concentração de terra ou piche, use o jato mais forte da mangueira até que os resíduos sumam. 

Além de tudo isso, prefira lavar o seu veículo sob uma sombra, ao menos uma vez na semana. Isso retira o excesso de poeira decorrente da poluição, maresia se você vive perto do mar e os resquícios de chuva ácida.

E mais: prefira secá-lo com um pano de microfibra a deixar o processo ocorrer naturalmente.

IMPORTANTE!

Mesmo após a lavagem, é possível que fiquem resquícios invisíveis a olho nu. Nesse caso, é bom utilizar um descontaminante – existem diversos no mercado. Todavia, não faça isso sozinho. Procure o auxílio de um profissional e peça-lhe para mostrar o jeito certo de usar esses produtos.

2 | A chuva é uma inimiga da pintura do carro. Veja como proceder!

Falando nela, é pouco prudente deixar seu carro na rua, à mercê das intempéries. E a chuva nem precisa ser ácida para causar preocupação. 

Porém, nem sempre é possível fugir. A gente sabe!

Sendo assim, se aquela “tromba d’água” cair enquanto você estiver ao volante, trate de dar uma boa higienizada pós-chuva, seguindo as recomendações de lavagem que mencionamos no primeiro tópico.

3 | O calor também pode ser um vilão. Atenção com ele!

Seguindo a nossa cartilha sobre clima e veículo, temos outro fator bastante importante a considerar: a exposição ao sol e calor.

E as principais consequências aqui são as rachaduras provenientes do ressecamento. Além disso, a pintura do carro pode ficar fosca e, inclusive, desbotar com o tempo.

4 |Área coberta faz toda a diferença para manter a pintura do carro novinha

Talvez você não tenha uma garagem à disposição… 

No entanto, precisamos alertar que essa é uma boa prática que influencia muito na boa aparência do veículo, contribuindo para aquele aspecto de novo. Portanto, se você quiser conservar a pintura do carro por mais tempo, tente resolver esse problema.

5 | Mantenha-o brilhante com manutenção periódica

Assim como as peças internas, a lataria do veículo também precisa de manutenção preventiva.

Como fazer?

Encerar o veículo, é um bom começo! Entretanto, não faça isso de qualquer jeito. Pesquise o produto ideal e não ignore as etapas das instruções do rótulo. 

Você também pode levar o veículo para polir, ao menos, uma vez ao ano. 

Cristalização da pintura. O que é isso?

Vai parecer que você pintou com um verniz. Porém, essa é uma técnica conhecida como espelhamento, que nada mais faz do que aplicar uma cera especial que protege e corrige imperfeições. 

Para manter o aspecto brilhante, é indicado que o procedimento seja feito a cada seis meses.

E quanto à vitrificação?

Processo mais avançado que a cristalização, a aplicação destes produtos protegem o veículo contra contaminantes por longos períodos. 

6 | Informe-se sobre as situações nas quais é bom utilizar uma capa

A capa do veículo deve ser usada para carros que estão há muito tempo guardados em uma garagem.

Jamais use-a sob o sol. Com o calor, a capa pode superaquecer a lataria, provocando manchas e riscos.

7 | Para proteger a pintura do carro, cuidado onde estaciona

Evite deixar o carro embaixo de árvores. As folhas também provocam arranhões e manchas. 

8 | Não aplique qualquer químico e observe onde você abastece

Não saia usando qualquer produto na lataria do seu veículo. Ou o prejuízo pode ser astronômico.

Outra questão importante diz respeito a confiar no posto que você escolhe para abastecer. Verifique se os frentistas não deixam escorrer o líquido pela lataria. Ao constatar que isso acontece, troque imediatamente de fornecedor.

9 | Pequenos animais podem prejudicar a pintura do carro

Gatos amam dormir em cima dos carros, mas suas unhas podem arranhar a pintura. Se você tem um bichano em casa, a dica é usar um pano para cobrir os locais onde eles mais gostam de ficar. 

Aliás, outro bichinho inocente, mas que pode causar danos é o pássaro. Isso porque suas fezes geralmente queimam a lataria.

_

Cuidar da pintura do carro é garantir um visual novinho e uma boa valorização na hora da revenda ou troca. Com isso em mente, temos certeza que você será um proprietário zeloso.

Curtiu as dicas? Deixe sua opinião aqui nos comentários. Depois disso dá uma passadinha em nosso site, e confira os novos modelos e as variadas versões do Hyundai HB20 e do Hyundai Creta.  

Deixe um comentário!

comentários